Quadro Saúde Mental

Tratar déficit de atenção reduz risco de uso de drogas

Diagnosticar e tratar corretamente o Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDA/H pode reduzir consideravelmente o risco de uso de drogas no futuro. A doença é um dos transtornos comportamentais com maior incidência na infância e adolescência. Pesquisas realizadas em diversos países mostram que está presente em 3 a 5% das crianças em idade escolar.

Caracteriza-se, principalmente, através de sintomas de desatenção, desorganização, inquietude e impulsividade. Por ser uma patologia crônica, o TDA/H pode acarretar diversos prejuízos ao indivíduo, como dificuldades na escola, na universidade, no emprego, na vida social, maiores chances de gravidez, envolvimento em acidentes, e maior risco de, no futuro, uso abuso e dependência de álcool, tabaco e de drogas ilícitas, principalmente a cocaína.

A adolescência é o momento que o jovem busca de sua própria personalidade. Por isso, experimenta mais novas experiências, riscos e desafios.

Para mais informações ouça o áudio ou acesse www.psiquiatriaavançada.com.br

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>