Quadro Saúde Mental

Para terem efeito, manifestações devem ser consistentes e direcionadas, segundo psiquiatra

Para terem efeito, manifestações devem ser consistentes e direcionadas, segundo psiquiatra

As manifestações que estão ocorrendo no Brasil inteiro há cerca de três semanas vem sendo estudadas por psicólogos, psiquiatras e demais profissionais que trabalham com a área social. Conforme o psiquiatra Fábio Vitória, o país vive um momento histórico de movimento popular, e a causa do descontentamento da população é a conjuntura político-social. Segundo ele, a criação da PEC 37 é uma das maiores demonstrações de que o interesse dos líderes do país é manter o sistema corrupto vigente. “O que move a população é a indignação”, cita.

Sobre os confrontos entre polícia e manifestantes, Vitória acredita que as pessoas se sentem mais a vontade em grupo, com uma espécie de diminuição das inibições. As pessoas se abrem mais, principalmente a ações violentas, sentindo-se menos culpadas por suas atitudes. Segundo o psiquiatra, essa ação vale para ambos os lados, justificando a violência da polícia e dos manifestantes.

Vitória acredita que muitos manifestantes vão as ruas sem saber o motivo pelo qual lá estão, tendo apenas o desejo de mudar algo, visto que estão descontentes com a situação atual do país. Para ele, para haver mudança cultural é necessário que os manifestantes realizem protestos consistentes e direcionados, com objetivos específicos e líderes que levem as reivindicações até o poder público. Sem isso, ele compreende que a situação brasileira voltará a ser a mesma depois do fim das manifestações.

Audio clip: Adobe Flash Player (version 9 or above) is required to play this audio clip. Download the latest version here. You also need to have JavaScript enabled in your browser.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>